Mavis Justino é um dos feridos do massacre que matou dez pessoas na segunda-feira (23).

Mavis Justino, lusodescendente, está entre os feridos no atropelamento de segunda-feira, em Toronto, que fez dez mortos. A vítima é filha de emigrantes portugueses oriundos da ilha Terceira, nos Açores, e tem 25 anos.

A mulher é consultora imobiliária e foi uma das primeiras pessoas a ser atingida pela carrinha. Foi hospitalizada com costelas partidas, ombro deslocado e teve de levar pontos na cabeça.

Mavis Justino é um dos 15 nomes referidos no acidente, segundo um documento judicial de acusação do suspeito da tentativa de homicídio.

“Gostava de agradecer a todos aqueles que me enviaram mensagens de preocupação e de amor”, escreveu Mavis Justino na rede social Facebook. A vítima sublinhou ainda o fato de ter “conseguido sobreviver”, reconhecendo gratidão” pelo fato de ali estar presente pois tem pela frente “um longo processo de recuperação”. “Tenho um longo processo de recuperação mas consegui sobreviver. Estou muito grata por estar aqui hoje”, acrescentou.


via Milenio Stadium