Current track

Title

Artist

Current show

Bom Dia Canadá

5:00 am 9:00 am

 

Current show

Bom Dia Canadá

5:00 am 9:00 am

 

Background

“A noite” da revolução segundo Saramago estreia em Viana

Written by on April 7, 2022

A Noite Saramago Teatro - Camões Rádio - Portugal

Foto: Rui manuel Fonseca/ Global Imagens

 

Estreia esta quinta-feira (às 21 horas) no Teatro Municipal Sá de Miranda, em Viana do Castelo, uma adaptação de “A noite”, a primeira peça escrita por José Saramago, pela companhia do Noroeste-Centro Dramático de Viana (CDV).

O espetáculo tem como cenário a redação do jornal “Diário de Notícias”, onde o próprio escritor trabalhou como redator e diretor-adjunto, na madrugada de 25 de abril de 1974.

O texto data de 1979 e foi adaptado pelo diretor artístico do CDV, Ricardo Simões. Doze atores, entre os quais três convidados (Philippe Leroux, Mário Moutinho e Rafaela Sá) conhecidos de produções televisivas e do teatro, retratam horas que antecederam a revolução, marcadas pela tensão e censura.

“Quando tentamos perceber porque é que Saramago quis falar isto quando já passaram cinco anos depois da revolução, acho que há quase um caráter documental, um intuito de mostrar como é que era. De construir uma memória para que nunca mais se repita”, afirma Ricardo Simões. A obra retrata as várias categorias dentro de uma redação, de diretor, a redator, tipografo e estagiário, “as ligações ao regime” e classes sociais, naquele tempo. “É uma peça brilhantemente escrita pelo Saramago. Foi a primeira. É brilhante na forma realista, como ele vai ao detalhe de como era uma redação e na caracterização rigorosa das personagens. Essencialmente, esta peça fala do que era a censura Vai-nos parecer, em 2022, muito grave o que era ser e ter que trabalhar naquelas condições”, adiantou, descrevendo que a peça contempla ainda “algumas tiradas” sobre “o que é o ofício do jornalismo”.

“É incrível. Nós, nos ensaios, lemos em grupo a primeira vez e o Mário Moutinho [ator] disse: ‘isto parece que foi escrito ontem’. O que Saramago escreveu em 1979 sobre ser jornalista, é absolutamente intemporal”, comentou Ricardo Simões.

 

A noite Saramago - Camões Rádio - Portugal

Foto: Rui manuel Fonseca/ Global Imagens

 

O Teatro do Noroeste- CDV foi a primeira companhia a avançar com uma adaptação da obra dramática “A noite” do Nobel português da Literatura (1998). “Quando assinamos o protocolo com a Fundação José Saramago ficamos muito felizes, porque nos foi dito que eramos a primeira entidade artística que se propôs a fazer o teatro de Saramago”, disse o diretor artístico.

A peça, que estará em cena até 24 de abril e assinala o centenário de Saramago, junta três gerações de atores. Mário Moutinho, que veste a pele de diretor do “Diário de Notícias” em 1974, é o mais velho do elenco. “O que vivi no 25 de abril não dá para explicar numa noite só. Foi o dia mais feliz da minha vida. Quando tive de o explicar ao meu filho, fiquei com um nó na garganta e já não consegui. Portanto, esta peça para mim tem um significado enorme”, comentou o ator, acrescentando: “Não podia dizer que não a este desafio de vir fazer uma peça do Saramago, porque é realmente marcante para a carreira de um ator. É fascinante representar este papel num espetáculo que retrata uma das noites mais importantes da nossa história contemporânea”.

A redação é composta por: “Alexandre Calçada (tipografo), Adriel Filipe (continuo), Rafaela Sá (estagiária), Alexandre Martins (chefe da tipografia), Ana Perfeito (redatora), Elisabete Pinto (secretária de redação), José Escaleira (administrador do jornal), Mário Moutinho (diretor do jornal), Nuno J. Loureiro (redator internacional Guimarães), Philippe Leroux (jornalista), Tiago Fernandes (redator parlamentar) e o próprio Ricardo Simões (chefe de redação).

 

 

Fonte: JN


Download our app
android-app-store-app-store-and-android-icons-11553546864dl6gbnzyt2 (1) camoes radio - android-app-store-icons (2)