Current track

Title

Artist

Current show

Antena 1

10:00 pm 12:00 am

 

Current show

Antena 1

10:00 pm 12:00 am

 

Background

Discos de Vinil, os conhecidos LPs

Written by on February 28, 2024

Créditos: DR.

 

Discos de Vinil, os conhecidos LPs

Quem viveu a geração dos LPs, hoje está a perceber que o mercado voltou a dar oportunidades para os fãs e colecionadores deste objeto, vamos dizer “old school” para alguns.

Hoje em dia, existem LPs que custam uma pequena fortuna. Colecionadores andam a pesquisar por todos os lados edições limitadas que podem ser levadas a leilões a chegar a marca de 2 milhões de doláres. Este tesouro iniciou-se em 1887 pelo Emile Berliner que  conseguiu uma patente para a sua última invenção – uma maneira que lhe permitia gravar e transmitir som através de um disco ao qual chamou gramofone. Uma década antes, Edison tinha apresentado o seu fonógrafo que é, ainda hoje, considerado o primeiro instrumento capaz de gravar som, através da rotação de um cilindro. No final do século XIX e início do século XX, ambas as tecnologias competiram como principais formas de gravar e transmitir som, naquela que pode ser considerada a primeira guerra de formatos na música.

Na década de 40, as principais editoras americanas – a Columbia Records e a Victor RCA – começaram a trabalhar em novos formatos para o disco, que pudessem ter maior capacidade de gravação e melhor qualidade de som, nomeadamente com um novo material plástico à base de vinil que levaria à utilização do nome que usamos agora.

A quem concorda que “Vintage is cool”. Provando que não é mais apenas um hobby para pais e hipsters, o vinil está passando por um grande ressurgimento na música mainstream, e vem aumentando suas vendas pelo 16º ano consecutivo. No ano passado, pela primeira vez desde 1987, os discos de vinil venderam mais que os CDs nos EUA, com 41 milhões de unidades contra 33 milhões.

Hoje, os discos empoeirados dos boomers respondem por 71% de toda a receita do formato físico da música. Também no último ano, as vendas de vinil aumentaram 17% nos Estados Unidos, totalizando US$ 1,2 bilhão. Uma estatística interessante feita pela Luminate é que metade dos compradores de discos em vinil nos Estados Unidos não possui um gira-discos, revela um novo estudo realizado pela empresa.

O estudo mostra ainda que a esmagadora maioria das receitas obtidas pela música provém do streaming: 84%. Tal pode indicar que estes “superfãs” compram discos em vinil apenas pela posse do objeto, e não porque tencionam usá-lo. Os discos em vinil mais vendidos no ano passado foram, aliás, “Midnights”, de Taylor Swift (945 mil cópias), “Harry’s House”, de Harry Styles (480 mil cópias) e “SOUR”, de Olivia Rodrigo (263 mil cópias).

 

Uma nova geração encontra-se nas estatísticas como público alvo no mercado. Créditos: DR.

Quem compra os LPs

Não foi só na Bidenland. Outras pesquisas mostraram que o interesse no formato retrô de escutar música também cresceu de forma semelhante no Reino Unido, Alemanha, Japão e Coreia do Sul.

Quem está comprando? 💿
A nostalgia pode até ser um dos motores do mercado, mas as gerações mais jovens também estão apreciando os discos. No ano passado, a Taylor Swift foi a artista que mais lucrou com a moda, vendendo 1,7 milhão de discos de vinil.

Porém, apesar do retorno impressionante, os serviços de streaming — como Apple Music e Spotify — representaram 84% da receita total de música em 2022, crescendo 7% em relação ao ano anterior. E para si, o que significa um vinil?

 

Curiosidades

• O material vinil começou a ser usado para produzir os discos porque a goma-laca que era anteriormente utilizada na sua produção, foi necessária para produzir diferentes ferramentas essenciais para a 2º Guerra Mundial, tendo por isso de ser substituída.

• Golden Records, são dois discos vinil a bordo do Voyager 1 e do Voyager 2 que já se encontram a 20 mil milhões de quilómetros de distância da Terra e que incluem seleções musicais de diferentes culturas e eras, para que “aliens” possam conhecer.

• Qual o disco vinil mais caro de sempre? Pertence aos Wu-Tang Clan e ao seu álbum Once Upon a Time in Shaolin, cuja única cópia existente no mundo inteiro foi comprada por Martin Shkreli por 2 milhões de dólares, agora condenado e que viu o disco ser confiscado pelas autoridades americanas.

• Dados demonstram que o vinil poderá ultrapassar os CDs em vendas num futuro próximo. Nos EUA, em 2018, enquanto as vendas de CDs desceram 42%, as de vinil cresceram 12%.

 

Melhores Discos Vinil de Sempre

Aqui apresentamos os 10 vinis mais conhecidos de todos os tempos:

  1. “Thriller” – Michael Jackson (1982)
  2. “The Dark Side of the Moon” – Pink Floyd (1973)
  3. “Sgt. Pepper’s Lonely Hearts Club Band” – The Beatles (1967)
  4. “Nevermind” – Nirvana (1991)
  5. “Kind of Blue” – Miles Davis (1959)
  6. The Beatles (1968): “The White Album”
  7. “Rumours” – Fleetwood Mac (1977)
  8. “Highway 61 Revisited” – Bob Dylan (1965)
  9. “Led Zeppelin IV” – Led Zeppelin
  10. “The Velvet Underground & Nico” – The Velvet Underground
Fonte: Expresso/Worten/mundo do disco/CamõesRádio

Tagged as